Página 62 - Códice nº6, ano 2009

62
dutos farmacêuticos, terapia genética e de células estaminais, ener-
gias renováveis,biotecnologia,
displays
de realidade virtual imersiva,
inteligência artificial emuitomais. Uma coisa é certa: a tecnologia no
futuro permitirá sobretudo simplificar e optimizar as nossas vidas,
cabendo-nos naturalmentedar autilidade correctaparaa consolidação
de objectivos comuns, tais como: cuidados médicos de excelência,
combate àpobreza,segurança rodoviária,protecçãodomeio-ambien-
te, uma educação eficaz, acesso democratizado aos recursos infor-
máticos, liberdade de expressão, apoio à exploração criativa, pro-
tecção da privacidade,aumento da esperançamédia de vida,controlo
demográfico, qualidade de vida,alfabetismo e optimização dos recur-
sos naturais.
O desafio que foi proposto com a criação de um primeiro módulo dos
FPC Future Labs, com a assinatura «Experiências visuais de Futuro»,
temoobjectivo imediatode surpreender,de criar umportal dimensional,
quepormomentos possibiliteumconjuntodeexperiências visuais,onde
o objectivo é recriar aomáximo a sensação de realidade para um indi-
víduo,levando-oaadoptar a interacção comoumadas suas realidades
temporais. Para isso, essa interacção é realizada em tempo real, com
o uso de técnicas e de equipamentos computacionais que ajudamna
ampliação do sentimento de presença do usuário. Além da com-
preensão do Ambiente Virtual como simulação da realidade através
da tecnologia, também se estende a uma apreensão de um univer-
so não real, um universo de ícones e símbolos.
Os FPC Future Labs – Experiências Visuais de Futuro comportam um
ambiente expositivomodular e evolutivo,que considera amplas expe-
riências visuais e interactivas, permitindo o desenvolvimento,aplica-
ção emostra de inovações tecnológicas.Essas inovações estão paten-
tes nas seguintes tecnologias:visão computacional,holografismo,este-
reoscopia activa/passiva,
3
d scanning
,
realidade aumentada, reali-
N
inguém pode prever o futuro... exactamente porque um acon-
tecimento de amanhã é sempre influenciado por um aconteci-
mento de hoje e por essemotivo composto de variáveis incógnitas.No
entanto,há argumentos razoáveis que podem ser considerados com
base nos avanços e tendências da tecnologia no passado.
Por exemplo,é razoável prever que vão continuar a existir tecnologias
mais potentes,mais baratas e com capacidade para umamaior rapi-
dez de comunicação. Entre as diversas aplicabilidades e usos destas
tecnologias, enquadram-se vários campos científicos como a enge-
nharia (mecânica, civil, automóvel e electrónica), a medicina (diag-
nósticos, simulações cirúrgicas, estudos em anatomia), as ciências
básicas (astronomia,astrofísica,biologia e química) emesmo o entre-
tenimento ( jogos, visualizações fotorealísticas e filmes interactivos).
Sendo a informação uma das palavras-chave domomento actual da
História, considera-se que a humanidade caminha para uma outra
idade,a do conhecimento,dado o elevado número demudanças que
tem vindo a provocar, bem como as consequências que transporta a
nível social, económico, cultural, e político.
É a transformação da informação só por si em conhecimento, sempre
aliada profundamente às inovações tecnológicas, que dará novas
competências e novas capacidades.
A concepção futurista do mundo das comunicações tem vindo a
desenvolver na sociedade uma incessante busca pela inovação,pela
actualidade e pela adequação às novas regras sociais por esta rea-
lidade ditadas. A vontade de cada um em «não se deixar ficar para
trás» obriga a um esforço individual, em estar permanentemente
conhecedor dessas evoluções e inovações.
Irão surgir seguramente dezenas se não centenas de domínios que
vão continuar a avançar tecnologicamente, ao nível de novos con-
teúdos,suportes e plataformas de comunicação;nanotecnologia,pro-
Exposição Future Labs
Experiências Visuais de Futuro
Gonçalo Nunes Rodrigues
|
Comissário da exposição FPC Future Labs