O Primeiro Selo Português

Cinco coleccionadores portugueses apresentaram as melhores peças do selo de 25 réis D. Maria II, designadamente Albertino Figueiredo Alexandre Santos, João Violante, Óscar Marinho e Pedro Vaz Pereira. Os primeiros selos portugueses foram postos à venda a 1 de Julho de 1853 e esta mostra incluiu peças de grande valor histórico,

CONTINUAR A LER

Do Original ao Selo

Esta mostra deu a conhecer os vários métodos e processos de fabrico do selo, desde o equipamento que imprimiu o primeiro selo, o de D. Maria II em 1853, até às mais recentes máquinas e utensílios de produção dos mesmos. Estiveram também patentes as várias emissões e as suas séries

CONTINUAR A LER

Manuel Rivera

Manuel Rivera (1927-1995), foi um dos maiores pintores espanhóis contemporâneos. Mostra realizada em colaboração com a Galeria Almirante da Afinsa, Madrid. Do pintor fala-nos a sua filha: «… A espiritualidade manifesta-se na sua obra. Nela se valorou a sua especial capacidade de transformar a matéria física numa energia de alto

CONTINUAR A LER

Alfândega do Porto

A exposição, organizada pela Associação do Museu de Transportes e Comunicações do Porto e exposta na FPC, constituiu uma memória multifacetada do edifício e do seu espaço envolvente, vista através do olhar de 5 fotógrafos: Debbie Flaming Caffery, José Rodrigues, Gabriele Basílico, Paul den Hollander e Humberto Rivas.

CONTINUAR A LER

José Caballero

Pintor de referência para a Arte Espanhola deste século (1915-1991), as suas obras demonstraram, desde logo, uma pintura de grande qualidade. José Caballero foi um pintor de raiz surrealista e, ao longo de toda a sua carreira, demonstrou uma inovação constante e cada vez mais rica. Esta exposição decorreu do

CONTINUAR A LER

A Casa do Futuro Interactiva I

A Fundação Portuguesa das Comunicações e a TV Cabo apresentaram um espaço interactivo que se pretendeu em permanente evolução, pelo que foi o primeiro passo no sentido da evolução para uma solução mais complexa de automação doméstica, instalada numa verdadeira habitação.

CONTINUAR A LER

Correios Privativos de Portugal

Em diversos países, grande número de entidades gozaram de isenção de franquia na sua correspondência, mas raros são porém aqueles que permitiram esse privilégio, através da afixação de selos especiais. Portugal foi a segunda Nação, depois de Espanha, a instituir tal sistema, com a particularidade de o fazer com carácter

CONTINUAR A LER

Espontaneidade e Rigor

Na obra de Luis Filipe de Abreu “a espontaneidade e o rigor são constantes, como o mostra a exposição de parte do seu acervo, que esteve patente na Fundação Portuguesa das Comunicações. Como é natural, é a sua longa colaboração com os Correios que domina esta mostra. Nela se pode

CONTINUAR A LER

Inteiros Postais do Rei D. Carlos I

Apresentou-se a colecção particular de Hernâni António Carmelo de Matos, de Inteiros Postais (bilhetes postais CTT com selo impresso) de D. Carlos I. Esta teve por objecto o estudo de inteiros postais de D. Carlos I de Portugal Continental das emissões “Mouchon”, “Diogo Neto”, “dentro de ornatos” e “dentro de

CONTINUAR A LER

Originais de Bilhetes Postais não emitidos

Apresentção de originais produzidos por artistas plásticos para as emissões de Bilhetes Postais dos CTT que não chegaram a ser emitidos. Nesta época, os artistas convidados apresentavam, na generalidade, várias interpretações artísticas para o mesmo tema. O júri seleccionava alguns mas, na globalidade os trabalhos ficavam pertença dos CTT. Este

CONTINUAR A LER