Secundário

√ Visitas guiadas às exposições patentes

Horários: 2ª a 6ª feira - 10:30, 12:00, 14:30, 16:00
Nº Máximo de participantes: 25


√ Oficinas pedagógicas

Na reta final do percurso da escolaridade obrigatória, pretendemos realizar atividades que promovam o pensamento crítico, a criatividade e o debate como elementos fundamentais para o desenvolvimento de uma atitude flexível e resiliente.
Trabalhamos o conceito de futuro do Museu das Comunicações, nas vertentes da ética, da filosofia, da globalização e do património, a par do desenvolvimento tecnológico.

Repórter de TV

Quem, o quê, onde, como, quando e porquê.

No papel de uma equipa de jornalistas e repórteres, recolhem-se as informações importantes sobre os eventos do dia para a criação de uma peça jornalística com apresentação no estúdio de televisão do Museu das Comunicações.

Competências-chave: seleção, interpretação e produção de informação, oralidade, cooperação.


Quem tem medo da Inteligência Artificial?

Um olhar sobre o passado para melhor compreendermos o futuro.

A Inteligência Artificial está presente no nosso quotidiano em aplicações diversas. O desenvolvimento desta área está, no entanto, numa fase embrionária e são muitas as questões éticas que se levantam ao debater a sua utilização.
Nesta visita-jogo damos a conhecer os medos e mitos que surgiram com as inovações tecnológicas na área das comunicações ao longo dos últimos 150 anos.
No final falamos com a Alexa, a "Inteligência Artificial" da Casa do Futuro.

Competências-chave: debate, oralidade, pensamento crítico, cooperação, literacia digital, inglês.


Peça de teatro: “Caídas do Teto”

Parte-se da obra "O Ano da Morte de Ricardo Reis" para construir um encontro entre José Saramago e Fernando Pessoa, em que ambos se juntam para pôr Ricardo Reis à prova na sua ideia de conceção do mundo. Saramago e Pessoa constituem um primeiro núcleo cénico que vai escrever a história e dar origem a um segundo – o das personagens da narrativa. Um diálogo entre os dois criadores, dando acesso à escrita viva da história das personagens, podendo esta mudar ou ser reescrita por decisão deles.
Uma parceria com a "PLATAFORMA DE ACTORES".

Competências-chave: cooperação, interpretação, pensamento crítico, oralidade, língua portuguesa.


O museu num postal

Arte Postal e Comunicação.

Com lápis e papel, vamos esboçar uma ou várias peças do Museu das Comunicações num postal. Primeiro as linhas e as sombras, depois os pormenores e as cores.
Um pedacinho do Museu que segue depois o percurso pelo mundo, até chegar à caixa de correio de cada participante.

Competências-chave: desenho, interpretação artística, experimentação plástica, multidisciplinariedade da arte.


Inscrições e mais informações: museu@fpc.pt