CRU, por Miguel Ângelo

A FPC | Museu das Comunicações apresenta a exposição CRU, por Miguel Ângelo. Sobre a exposição: “A paixão pela fotografia surge de uma pura necessidade por criar: como um meio inesperado; como veículo de ligação ao fazer artístico. A figura humana é, por seu lado, o centro dessa criação: interessa-me

CONTINUAR A LER

Se esta peça falasse | mar 2017

Peças feitas em folha-de-flandres, com 35 mm de diâmetro, emitidas pelo banco Pinto da Fonseca e Irmão, conforme inscrição no reverso. O anverso exibe selos da emissão «Ceres», protegidos por uma película de plástico. Designadas por «Moedas de Emergência» eram emitidas por entidades privadas, como companhias de seguros e bancos,

CONTINUAR A LER

PIRES VIEIRA – SÉRIE GEOMETRIAS

‘Os assuntos da arte, e da pintura em particular, ressurgem ao longo da obra de Pires Vieira de modo sempre renovado. Monet, citado nesta exposição, fora já convocado em vários momentos – o apelo táctil, a exaltação vibrante e envolvente da natureza. As paisagens de Srindberg são citadas pela primeira

CONTINUAR A LER

Se esta peça falasse | DEZ

500 Anos do Correio No reinado de D. Manuel I (1495-1521), Portugal é um pequeno mas glorioso reino, consagrado universalmente pela epopeia da Expansão Marítima. Durante este período sucedem-se feitos extraordinários, como a viagem de Vasco da Gama à Índia, em 1498, a descoberta do Brasil por Pedro Álvares Cabral,

CONTINUAR A LER

Desert Island Paint PQ23-016, Paulo Quintas

A FPC | Museu das Comunicações e a Galeria Bessa Pereira apresentam a exposição “Desert Island Paint PQ23-016”, de Paulo Quintas. Sobre  a exposição: “Desert Island Paint transporta para um oceano branco a sua contínua experimentação conduzida pela materialidade das tintas e das técnicas. Seguindo caminhos do acaso, ditados muitas

CONTINUAR A LER

DIÁRIO DE AGOSTO

A FPC | Museu das Comunicações e a Galeria Bessa Pereira apresentam a exposição DIÁRIO DE AGOSTO, de Marta Soares, com inauguração no dia 10 de novembro, às 18h00. “O título da exposição, Diáro de Agosto, remete para a vivência do quotidiano e neste caso em particular para um trabalho

CONTINUAR A LER

Se esta peça falasse | NOV

EM CARTAZ O cartaz moderno tem o seu advento, no séc. XIX, fruto da invenção da litografia (1798) que permitia a impressão de milhares de exemplares em poucas horas, por um custo mais económico, tendo sido enriquecido, anos mais tarde, por outra técnica, a cromolitografia (1827). Feito para ser afixado,

CONTINUAR A LER

MURMÚRIO DA SEMELHANÇA

A FPC | Museu das Comunicações e a Galeria Bessa Pereira apresentam a exposição MURMÚRIO DA SEMELHANÇA, de Rita Gaspar Vieira. Sobre a exposição, diz Maria João Gamito, “…o murmúrio é o som brando e contínuo do mar ou do vento que agita as folhas das árvores, a semelhança é

CONTINUAR A LER

Em Cartaz

Mostra de cartazes de propaganda e publicidade da Coleção do Arquivo Iconográfico da FPC, que divulga o ponto de vista estético, sobretudo do design gráfico publicitário e, de algum modo, a mensagem ideológica, quer nos anos do regime do Estado Novo como no período pós 25 de Abril. Ficamos a

CONTINUAR A LER

The Dirty Business Show

Plano Lisboa 2016 Critical Cities The Dirty Business Show Inauguração no dia 15 set | 18h00 A FPC | Museu das Comunicações, associa-se ao programa Critical Cities (Projeto Plano Lisboa), acolhendo a exposição The Dirty Business Show, que reúne quatro peças de vídeo que comunicam entre si por meio do

CONTINUAR A LER